Welcome Visitor: Login to the siteJoin the site



I originally wrote this poem in my mother tongue but i will post it again in english ...


Submitted:Jul 17, 2011    Reads: 11    Comments: 0    Likes: 0   


Angústia desesperante
que me atropela pelo caminho,
Tristeza sofrida que me esmaga sem piedade!

Sem defesas nem escudo
me debato para controlar o meu destino...
Chuva ininterrupta
que inunda a minha alma,
Trovão que me amedronta
na noite sombria ….

Desnudada, luto na noite sem fim
fria e húmida ..
Escuridão que me cega
e me impede de encontrar o meu caminho...

Dor aguda e sem piedade
que me mata lentamente,
Choro de impotência
e rezo pela luz que iluminará a minha alma …

Gemidos e lamentos
pela noite voam,
Sem rumo, sem objectivo
Perdida neste vale sem fundo!

Atormentada pelos gritos de desespero
Chamo... mas ninguém me ouve...
Perdida para sempre
nesta noite gélida e eterna
Sem encontrar o meu caminho....
Apenas a Lua é a minha luz
e os uivos dos lobos a minha música...
Perdida nesta noite sem fim
Choro pela força perdida!

Sem alma e sem corpo
vagueio sozinha
entre os lamentos e o desespero...
Perdida nas sombras da noite
procuro o meu lugar..

Chuva de lágrimas
que me acompanha,
Tremores e gemidos
na noite ouço.....

Por isso, sem defesas e sem escudo
pela noite eterna me aventuro...
Sem esperança e sem destino
pela angústia me deixo abraçar!!...





0

| Email this story Email this Poetry | Add to reading list



Reviews

About | News | Contact | Your Account | TheNextBigWriter | Self Publishing | Advertise

© 2013 TheNextBigWriter, LLC. All Rights Reserved. Terms under which this service is provided to you. Privacy Policy.