A mulher que iluminou o universo.

Reads: 44  | Likes: 0  | Shelves: 0  | Comments: 0

  • Facebook
  • Twitter
  • Reddit
  • Pinterest
  • Invite

Status: Finished  |  Genre: Romance  |  House: Booksie Classic

Eis a história de um rapaz, que encontra o que acha ser o seu objetivo de vida: uma mulher. Mas o que ele não compreende é a imensidão da magia que a envolve.

Eu era apenas um rapaz, Não devia ter mais de quinze anos, quando a vi pela primeira vez. Acordei sobressaltado, sem saber porquê. Por puro aborrecimento, olhei para a escuridão, e refleti para mim mesmo o quão linda esta era.

 Na imensidão do universo, é a unica coisa constante, pois onde há luz, há sombra. E onde não há, também aí predomina a escuridão. No entanto, este momento de reflexão durou pouco. Comecei a sentir-me observado, como se algo ou alguém se movesse entre as sombras. De repente, algo começou a brilhar. Era apenas um ponto de luz no inicio, mas ganhou energia até ter força suficiente para revelar o contorno de um corpo, de aspeto humano, e sem duvida femenino, que flutuava deitado por cima de mim.

 O ponto de luz subiu e entrou pelo seu peito, até chegar ao coração. Nesse momento, uma explosão de luz branca e angelical emanou do centro do seu peito, iluminando tudo. Já não estava deitado, mas sim de pé à frente dela num cenário branco e infinito. O seu corpo estava apenas envolto num vestido branco, quase transparente, com uma cauda infinita. Seu cabelo castanho, ondulava pelas suas costas até se perder naimensidão daquele cenário angelical. Uns olhos verdes, de cortar a respiração espreitavam de uma face tão linda que podia matar um homem apenas com o seu sorriso.

 O que aconteceu depois foi instintivo, como se bem dentro de mim, eu sempre soubesse o que fazer. Caminhamos um para o outro e beijámo-nos, como se o mundo estivesse a acabar e eu existisse apenas para aquele beijo. Perdi a noção do tempo em que os lábios dela tocavam nos meus, até que parei de os sentir. Abri os olhos, e estava deitado no sitio onde tudo começou. Ela desaparecera. Tinha apenas deixado para trás o ponto de luz no meio da escuridão do meu quarto, como garantia de que iria voltar. Ao aperceber-me disso, um sentimento de serenidade tomou o meu corpo, como se eu estivesse exatamente onde deveria estar.

 

FIM

 

 

Espero que tenham gostado desta história de amor mística. Comentem o que acharam, pois eu gosto de ter feedback para melhorar a qualidade do meu trabalho.


Submitted: July 12, 2021

© Copyright 2021 A. S. Warrior. All rights reserved.

  • Facebook
  • Twitter
  • Reddit
  • Pinterest
  • Invite

Add Your Comments:


Facebook Comments

Boosted Content from Other Authors

Short Story / Non-Fiction

Poem / Poetry

Book / Mystery and Crime

Writing Contest / Flash Fiction

Other Content by A. S. Warrior